Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Publicidade RML

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

 
   
Capa
Entrevistas
Equipe
Mural
News
Contato
Reviews
CD's
DVD's
Demos
Magazines
Shows
Multimídia
Fotos
Links
Bandas
Zines
Gravadoras
Rádios
Diversos

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

 
Untitled Document
 
 

Versão para impressão .

Enviar por e-mail .

Receber newsletter .

Versão PDF  .

Relatar Erro [erro]

 

Reviews Cds's

ALTERA O
TAMANHO DA LETRA
 

Recife Metal Law - O seu portal de informação!

 

OLDLANDS - Source of Eternal Darkness


OLDLANDS
“Source of Eternal Darkness”
Sangue Frio/Vários – Nac.


O Oldlands se trata de uma ‘one-man-band’, sendo mais um projeto capitaneado por Vox Morbidus (Evilusions, Mortuoa, Sadsy, Waking For Darkness, Warmony, Duress Soulles). Surgido em 2017, em 2019 o projeto lançou seu álbum de estreia, “Source of Eternal Darkness”. Álbum este que presta tributo ao Black Metal da década de 1990, mais precisamente aquele feito nos países nórdicos. A atmosfera musical contida no álbum é doentia, ríspida, como não poderia deixar de ser, afinal eu comentei que o álbum presta um tributo ao Black Metal nórdico dos anos 1990. As linhas vocais, agressivas, mas ao mesmo tempo mórbidas, vociferam letras que têm como temática o repúdio ao cristianismo, batalhas e até mesmo algo mais depressivo. Mas, apesar de toda a agressividade proposta na sonoridade, o Oldlands não se prende a apenas isso. O disco é recheado de momentos mais cadenciados e fúnebres, com boa inserção de solos. Temas como “Prayers For Nothing”, “I Just Want to Die” e “Field of Victory” (essa vem com uma influência bem vinda do velho Heavy Metal mais sujo da década de 1980), são exemplos dessa variação entre rispidez e momentos mais, diria, lúcidos. A gravação nos remete ao passado, pois é “crua”, sem efeitos digitais ou “pomposa”, ou seja, casa bem com o estilo proposto pelo projeto. Saliento que, apesar da ‘crueza’ na gravação, a parte instrumental ficou bem definida. A parte gráfica (o CD vem envolto num digipak), apesar de sua tonalidade branca, vem com imagens, tanto na capa como no encarte interno, totalmente ligadas ao Black Metal, trazendo galhos secos, bodes, pentagramas, cruzes invertidas... O disco, além das sete músicas próprias, conta, também, com um cover para “Metal Maldito” do Escaravelho do Diabo. “Source of Eternal Darkness” é um álbum de Black Metal altamente indicado aos apreciadores do estilo mais cru e direto.

Site: www.facebook.com/oldlandshorde

Resenha por Valterlir Mendes
 
 
Busca no site
 
Veja tambm